terça-feira, 9 de dezembro de 2008


Ainda moço, com tendência a velhice precoce pelo menos da alma rrsss..... Um mulato bonito, pouco sorridente mais com um sorriso maravilhoso. Alguns o acha sistemático, outros impaciente, outros o máximo eu o acho sem esteriótico popular, é incomum, é ímpar (e eu gosto disto) , és sambista nato , aquele sambista de alma, por ser radical nos confudem com falta de educação , mas convivendo bem de perto acredite é cortez e cavalheiro. Teve um tempo que não lhe via, mas ao ouvia sua forma mais particular de expressão com atenção dedicada e assim passei a endenter, seu lamento, sua tristeza , sua alegria, sua euforia, seu ser mais intimo, passei a enxergá-lo no momento em que te escultei; do momento que entendi que seu som é sua respiração, sua harmonia é sua alma , que sua cuíca é seu corpo e o samba é sua vida. Para mim ouvir a cuíca do Marcio em seus dias de virtuosidade, de luminosidade e prazer é um momento em que todos nós humanos mortais percebemos o quanto é bom viver., o tão bom é a vida , é como é maravilhoso celebrar a vida compreendendo suas dificuldades, entendendo seus enigmas e assim, vibrando a cada ronco de sua cuíca e um pulso a mais no coração de nós amantes do samba verdadeiro.

Um comentário:

Artur Guedes disse...

Beijoca da Cuíca: Goste quem quizer gostar, muitos tem algumas opinioes não muito favoraveis as dele, mas pensando bem, não é ele o errado. Ele defende o que pensa, defende sua personalidade (fato raro nos dias de hoje) e isso causa "má impressão" em algumas pessoas, já que hoje em dia, deixar se levar por algum beneficio é tão comum...
Musicalmente não há o que falar, apenas ouvir!


Abraços Marcião!!!